30 junho 2008

Lemonheads em Coura

Informa a promotora:
“My Drug Buddy”, “Confetti”, “Into My Arms”, “The Great Big No”, “Down About It” e outras tantas que não vamos enumerar, quem não se recorda destes hits que marcaram a geração indie no anos 90?

Evan Dando e os seus Lemonheads são os responsáveis por estes momentos inolvidáveis que perduram na memória colectiva dos seguidores da música independente americana.

A marcar presença desde 1986 e com oito álbuns gravados, os Lemonheads vêm ao Heineken Paredes de Coura certamente para nos presentear com estes e outros temas da sua extensa discografia, com especial destaque para “It’s a Shame About Ray” de 1992, “Come On Feel The Lemonheads” de 1993, “Car Button Cloth” de 1996 e “Lemonheads”, o último registo discográfico da banda, editado em 2006.

As margens do Rio Coura e as suas paisagens idílicas são sem sombra de dúvida, o local ideal para no dia 3 de Agosto, os Lemonheads relembrarem que o tempo não branqueia os tais momentos de que já falámos.

O Regresso de Amy (Parte 2)


Festival GLASTONBURY

29 junho 2008

28 junho 2008

Imagens da morte da indústria discográfica

Simbólico e muito oportuno a chamada de atenção que o Remixtures faz para a lenta morte da indústria discográfica tal como a conhecemos até hoje usando imagens de lojas vazias:
"as imagens do fotógrafo Calvin Kaneda dos destroços dessa destruição criativa que restaram após o encerramento das lojas da Tower Records nos Estados Unidos constituem uma representação simbólica bastante fiel de algo único na história económica dos últimos 200 anos. É caso para dizer “Capitalism Is Loosing Its Edge”, se quiséssemos “remisturar” uma frase do senhor James Murphy AKA LCD Soundsystem."
A não perder em Remixtures.

27 junho 2008

Heróis do Mar no Musicbox

O MusicBox em Lisboa recebe uma noite dedicada aos Heróis do Mar e em particular ao filme «Brava Dança».
O alinhamento inclui a projecção do filme «Brava Dança» (22h00), concertos de Tiago Guillul (00h00) e Paulo Pedro Gonçalves (00h45) e ainda as escolhas musicais de Jorge P. Pires e José Pinheiro (01h30) e de Rui Pregal da Cunha (03h00). As imagens ficam por conta de Droid-ID, a partir da 01h30.

25 junho 2008

Festival Med 2008 Loulé

Arranca hoje.

CARTAZ ACTUALIZADO:

Quarta-feira - 25 de Junho
21h30 - La Shica (Espanha)
22h45 - Balkan Beat Box ( Israel )
00h15 - Caravan Palace (França)
Quinta-feira - 26 de Junho
21h30 - Roy Paci & Aretuska (Itália)
22h45 - Jimmy Cliff (Jamaica)
00h15 - Muchachito Bombo Infierno (Espanha)
Sexta-feira - 27 de Junho
21h30 - Deolinda (Portugal)
22h45 - Zuco 103 (Países Baixos)
00h00 - Zita Swoon (Bélgica)
01h30 - Solomon Burke (Estados Unidos)
Sábado - 28 de Junho
22h45 - Ana Moura (Portugal)
00h00 - Amadou & Mariam (Mali)
01h30 - Café Tacuba (México)
Domingo - 29 de Junho
21h30 - Idan Raichel Project (Israel)
22h45 – Concha Buika (Espanha)
00h15 - Tambours du Bronx (França)

24 junho 2008

Festival Alive! Horário

DIA 10

Palco Optimus:

Rage Against the Machine - 00H40
The Hives - 23H10
Gogol Bordello - 21H40
The National - 20H20
Spiritualized - 19H10
Galactic - 18H00
Kalashnikov - 17H00


Metro On Stage:

Boys Noize (DJ set) - 02H20
Tiga (DJ set) - 00H50
Hercules & Love Affair - 23H50
Peaches (DJ set) - 22H20
Cansei de Ser Sexy - 21H10
MGMT - 20H00
Vampire Weekend - 18H50
Sons Of Albion - 17H50
Banda Soundtribes - 17H00

DIA 11

Palco Optimus:

Buraka Som Sistema - 01H00
Within Temptation - 23H40
Bob Dylan - 21H40
John Butler Trio - 19H40
Nouvelle Vague - 18H00
Kumpania Algazarra - 17H00

Metro On Stage

Sebastian - 02H30
DJ Mehdi - 01H00
Busy P - 23H30
Uffie - 23H00
DJ Feadz - 22H00
Krazy Baldhead - 21H00
MR Flash - 20H00
Vicarious Bliss - 18H00
Banda Cornetto Auditions (final esta quarta-feira no Hard Rock) - 17H00

DIA 12

Palco Optimus

Ben Harper & The Innocent Criminals - 00H10
Neil Young - 21H40
Donavon Frankenreiter - 19H50
Xavier Rudd - 18H10
Bradiggan (Of Dispatch) - 17H00

Metro On Stage

MSTRKRFT (DJ set) - 02H00
Brodinski (DJ set) - 00H00
Gossip - 22H40
Róisín Murphy - 21H00
Midnight Juggernauts - 19H20
The Juan Maclean - 17H50
Sizo - 17H00

23 junho 2008

Organização ao Vivo

Chamam-se Organização e têm na formação músicos como João Peste, Vítor Rua, Pedro D`Orey, Fred Ferreira e Alexandre Cortez.
A estreia em palco está marcada para 1 de Julho, no MusicBox, e o concerto será gravado para posterior edição digital. O concerto começa às 23h00 e o preço dos bilhetes é de 10 euros.

22 junho 2008

Novo Teledisco de Rita Redshoes

"The Beginning Song", terceiro single de Golden Era , tem um vídeo passado no faroeste.

21 junho 2008

As Boas Vindas ao Verão ao Som dos Dynamics

E da excelente versão de Seven Nation Army dos White Stripes que tem sido a banda sonora nas bancadas do Euro 08:

20 junho 2008

Reggae a Sudoeste

A Positive Vibes é, mais uma vez, a responsável pela programação do palco de reggae que este ano volta a estar presente no Sudoeste.
Bambule, Souls of Fire, Dub Incorporation e David Rodigan tocam no dia 7. Na segunda noite, actuam The Most Wanted, Al Borosie, Beenie Man e os Zion Train Sound System.
No dia 9, vão estar presentes os portugueses Chaparro, Ziggi, Ritchie Spice e No Jokesound along side BigBadaBoom. A última noite fica por conta dos Jah Vai, Luciano, Alpha Blondy e Pow Pow Movement.

19 junho 2008

A Nova Vida das Capas do Vinil


A galeria é para ser visitada no NME e há imagens muito boas. A ideia é dar uma extensão à imagem original das capas de discos. Ou mesmo juntar duas como é o caso deste exemplo dos Beatles com os Oasis. Nada mais lógico.

Exposição «As Luzes da Fama» na Livraria Trama

De 20 de Junho a 20 de Julho vai estar disponível na Livraria Trama, no Largo do Rato, a exposição «Luzes da Fama - Fotografias de Concertos».
Vão poder ver-se fotografias de Ana Matias, Hugo Amaral, João Pedro Almeida, Marisa Cardoso, Nuno Lourenço e Vasco Pereira. Entre os artistas fotografados, encontram-se Editors, Pearl Jam, Clã, Linda Martini, Os Pontos Negros, Goldfrapp, Arcade Fire, The White Stripes, Jamie Cullum, Nicole Eitner, entre muitos outros.

A exposição é organizada por Pedro Figueiredo (Disco Digital, DIF). A abertura está marcada para as 21h30.

18 junho 2008

Prémios MOJO

Melhor Canção – Duffy
Melhor Actuação ao Vivo – Led Zeppelin
Contribuição Musical – Paul Weller
Prémio Icone – Sex Pistols
Escritor de Canções – Neil Diamond
Revelação do Ano – The Last Shadow Puppets
Melhor Álbum – Nick Cave & The Bad Seeds «Dig!!! Lazarus Dig!!!»
Prémio Herói – Motorhead
Passeio da Fama – The Specials
Prémio Carreira– Genesis
Prémio Especial - Judy Collins
Prémio Lenda – Irma Thomas
Prémio para álbum clássico – My Bloody Valentine, «Loveless»
Prémios de Inspiração - John Fogerty
Prémio Raízes - Toots Hibbert
Prémio Les Paul - John Martyn
Prémio Maverick - Mark E Smith
Prémio Visão - Julien Temple em «The Future Is Unwritten»
Compilação do Ano - «Juno»
Catálogo do ano - Pillows & Prayers Cherry Red Records 1981-1984

Mojo

17 junho 2008

Braddigan Encerra Cartaz do Alive!

O cartaz do Optimus Alive!08 encontra-se encerrado, com a confirmação de Braddigan, vocalista dos Dispatch, para abrir o Palco Optimus no dia 12 de Julho.
O músico norte-americano tem sido um elemento fulcral do movimento rock/folk norte-americano, onde começou por se destacar como vocalista dos Dispatch – banda que alcançou a tripla platina com o primeiro álbum, “Silent Steeples”.
A carreira a solo de Braddigan começou em 2003, tendo apenas dois anos depois editado o primeiro longa-duração, “Watchfires”. Actualmente, Braddigan apresenta-se ao vivo acompanhado de Reinaldo de Jesus, de Porto Rico, e Tiago Machado, do Brasil, com quem gravou o segundo álbum, “The Captive”.
Mais um grande nome confirmado para o Palco Optimus, dia 12 de Julho, onde vai actuar na companhia de Neil Young, Ben Harper & The Innocent Criminals, Donavon Frankenreiter e Xavier Rudd.

ARTISTAS CONFIRMADOS PARA O OPTIMUS ALIVE!08:

10 Cientistas | Ben Harper & The Innocent Criminals | Bob Dylan | Boys Noize | Braddigan Brodinski | Buraka Som Sistema | Busy P | Cansei de Ser Sexy | DJ Mehdi | Donavon Frankenreiter | Galactic featuring Lyrics Born and Boots Riley (of The Coup) | Gogol Bordello Gossip | Hercules & Love Affair | John Butler Trio | Kalashnikov | Krazy Baldhead | Kumpania Algazarra | Lucient Dossier Vaudeville Cirque | Midnight Juggernauts | MGMT | MR Flash MSTRKRFT | Neil Young | Nouvelle Vague | Peaches | Rage Against The Machine | Róisín Murphy | Sam * Guarda Ricardo * | SebastiAn | Sons of Albion | Spiritualized | The Hives | The National | Tiga | Uffie and Feadz | Vampire Weekend | Vicarious Bliss | Within Temptation Xavier Rudd

16 junho 2008

Coldplay Acusados de Roubar Canção

As boas notícias para os fãs, e editora, dos Coldplay é que o disco entrou directamente para o número 1 de vendas do Reino Unido
A má é que um membro dos Creaky Boards, banda de Brooklyn acusa os Coldplay de terem pilhado a melodia deles. Ainda acrescenta que viram o vocalista Chris Martin num concerto dos Creaky Boards no ano passado. Está tudo no NME.
E a explicação sonora está, claro, no You Tube:

15 junho 2008

14 junho 2008

13 junho 2008

Novos Talentos 2008

O Disco editado pela Fnac ja está à venda:

12 junho 2008

11 junho 2008

M.I.A. Cancela

Os concertos de M.I.A. marcados para 15 de Julho no Lux (Lisboa) e 16 na Casa da Música (Porto) foram cancelados tal como toda a digressão europeia.

10 junho 2008

A Música e o Futebol


Aconteceu em Serralves.

09 junho 2008

Canção Inédita dos Radiohead

Uma canção inédita dos Radiohead tocada na sexta feira passada no concerto de Malahide Castle, Irlanda. Super Collider:

O Dia de Viva La Vida Or Death And All His Friends



É hoje o dia de lançamento de um dos discos mais esperados do ano, e que a editora EMI espera que seja um dos mais vendidos do anos.
Viva La Vida Or Death And All His Friends, é este o título do novo disco dos Coldplay.
Apesar do single não muito promissor que já roda por aí pode-se dizer que este novo disco dos Coldplay é mesmo um grande disco e vai manter a banda de Chris Martin na senda do sucesso mundial.
Quem quiser conhecer o novo disco pode visitar este útil blogue: http://downloadmp3rock.blogspot.com/

08 junho 2008

Foo Fighters com Led Zeppelin em Wembley

Os rumores confirmaram-se. Três dos quatro Led Zeppelin juntaram-se aos Foo Fighters no concerto de ontem no estádio de Wembley, em Londres.
Juntos, interpretaram «Rock`n`Roll» e «Ramble On». Robert Plant, em digressão na América, não esteve presente.
Tudo aconteceu já no encore. No fim do concerto, Dave Grohl disse ter sido a noite mais incrível da sua vida.
Vídeo

07 junho 2008

O Melhor Concerto do Rock in Rio: Buraka Som Sistema

Rock In Rio-Lisboa 5º Dia: Fotos do Palco Mundo




(fotos: Rita Carmo)
Linkin Park, Muse, e Offspring

Rock In Rio-Lisboa 5º Dia: Uma despedida convincente

Muse, The Offspring e Linkin Park foram convincentes no adeus ao Rock in Rio Lisboa versão 2008. A despedida fez-se com nova enchente, e a promessa está feita: em 2010 há mais.

Texto de Pedro Figueiredo para ler no Disco Digital

Rock In Rio-Lisboa 5º Dia: Kuduro «arrebenta» Sunset

O último dia do Rock In Rio-Lisboa ficou marcado por uma enchente semelhante à do primeiro dia. No Palco Sunset o kuduro dos Buraka Som Sistema provou ser muito mais que uma moda passageira.

Texto de João Moço para ler no Disco Digital

Rock In Rio-Lisboa 5º Dia: Alinhamentos Palco Mundo




linkin park, offspring, kaiser chiefs, muse

06 junho 2008

Rock in Rio-Lisboa : Último Dia

Rock in Rio despede-se hoje de Lisboa, regressa em 2010.
O terceiro festival Rock in Rio Lisboa termina esta sexta-feira, fechando cinco dias de música que levaram ao Parque da Bela Vista 82 artistas e uma audiência estimada de mais de 300 mil espectadores.

Hoje, as atenções estão viradas para os Linkin Park, que fecham a noite no Palco Mundo, depois das actuações dos Offspring, Kaiser Chiefs, Muse e dos cubanos Orishas. No palco Sunset, dedicado em exclusivo a artistas portugueses e da lusofonia, as propostas incluem Clã e os brasileiros Pato Fu, Buraka Som Sistema & Deize Tigrona & Bruno M, Caim, Plaggio e The Agency.

Rock in Rio-Lisboa 4º Dia: Palco Mundo - Raiva in Rio

No dia de maior peso no Rock In Rio, os Metallica repetiram o espectáculo do ano passado no Super Bock Super Rock. Uma noite mais calma do que se esperava.

Texto completo para ler em Disco Digital

Rock in Rio-Lisboa 4º Dia: Palco Mundo - Alinhamentos


Rock in Rio-Lisboa 4º Dia: Aparição Triunfal de Paulo Furtado


O 4º dia de encontros entre artistas nacionais no palco Sunset terminou com uma colaboração morna entre Jorge Palma, e Tim. Antes passaram por lá André Indiana, e SP & Wilson, sem grande adesão popular, enquanto que a hora de Paulo Furtado entra directamente para o top dos melhores concertos do Festival.

Anunciaram-se como Wraygunn e The Faith Gospel Choir com Legendary Tiger Man e foram os vencedores absolutos da tarde. Para não destoarem das tonalidades negras com que a comunidade metaleira invadiu hoje a Bela Vista, os músicos apresentaram-se vestidos de preto com destaque para a pose sensual da vocalista Raquel Ralha.
Musicalmente foi do melhor que se ouviu em todo o festival, mas o destaque vai para a postura irreverente de Paulo Furtado que resolveu agitar o marasmo abandonando o palco de microfone na mão saltando para o fosso fronta, e depois invadindo a plateia que o acolheu de braços abertos. Isto perante o desespero de dois seguranças que tiveram de ir atrás do Tigerman que os desprezava. Um momento rock and roll ainda mais vincado quando o vocalista atirou o microfone desligado do meio da plateia para o palco!

Memorável concerto que os organizadores do «mundo melhor» não devem ter achado piada. Pelo menos os seguranças não gostaram. Foi a irreverência do rock, que tem faltado ao festival, trazida pelo homem que merece todos os elogios musicais e estéticos. Nota máxima para para a actuação de Wraygunn e The Faith Gospel Choir feat Legendary Tiger Man.

Também com muito público, Tim regressou ao festival agora no palco secundário e a solo para cantar algumas canções suas, e depois se juntar a Jorge Palma. Foi um concerto quase sempre morno sem grandes surpresas. Só houve alguma emoção com a presença de palma e com as interpretações dos temas mais conhecidos dos vocalistas, sendo que Tim recorreu ao universo Xutos & Pontapés para animar as hostes. «Frágil», «À Minha Maneira», «Encosta-te a Mim», e «Circo de Feras» foram as mais festejadas. Com direito a encore, os músicos resolveram não arriscar nada, e repetiram «Circo de Feras».

A abrir a tarde e com pouca adesão do público estiveram Adriana Indiana e SP & Wilson, num dia que ficará na história destes encontros como o dia em que Paulo Furtado mostrou a verdadeira força do rock and roll.

Rock in Rio-Lisboa 4º Dia: Palco Sunset - Fotos


Rock in Rio-Lisboa 4º Dia: Palco Sunset - vídeos

05 junho 2008

Último dia do Rock In Rio esgotado

Já não há bilhetes para o último dia do Rock In Rio. A confirmação foi avançada pela organização do festival.
Muse, Linkin Park e Kaiser Chiefs são algumas das bandas que vão tocar no Palco Mundo. Desta forma, o Rock In Rio termina como começou: esgotado.

Parabéns ao Raízes e Antenas

Um dos blogues de visita diária obrigatória é o Raízes e Antenas dedicado às músicas do mundo e que pertence ao amigo António Pires.
Um grande abraço de parabéns pelo 2º aniversário!

O Regresso dos Metallica

Hoje no 4º dia do Rock in Rio. Não se espera menos do que o fantástico concerto de há um ano. Recordemos:
Festival Super Rock Super Bock Dia 1: Super Metallica!

Conferência sobre música hoje na Faculdade de Letras

A Faculdade de Letras recebe hoje um debate sobre o futuro da indústria musical portuguesa.
Na mesa redonda, estarão presentes Davide Pinheiro (Diário de Notícias e Diário Digital), João Pedro Coimbra (músico dos Mesa), Nuno Galopim (DN) e Paula Homem (Edições Valentim de Carvalho). A conferência tem início às 14h30.

04 junho 2008

Alive! 08 - Alinhamentos

10 de Julho
Banda a anunciar
Sons of Albion
MGMT
Vampire Weekend (na foto)
Peaches (DJ set)
Hercules & Love Affair
Boys Noise
Tiga (DJ set)

11 de Julho
Banda «Cornetto Free Music»
Vicarious Bliss
MR Flash
Krazy Baldhead
DJ Fedz
Uffie
Busy P
DJ Mehdi
Sebastian

12 de Julho
Banda a anunciar
The Juan MacLean
Midnight Juggernauts
Roísín Murphy
The Gossip
Brodinski (DJ set)
MSTRKRFT (DJ set)

OUTROS NOMES CONFIRMADOS

10 de Julho
Rage Against the Machine
The Hives
Spiritualized
Gogol Bordello
Cansei de Ser Sexy
The National
Galactic
Kalashnikov

11 de Julho
Bob Dylan
Within Temptation
John Butler Trio
Buraka Som Sistema
Nouvelle Vague

12 de Julho
Neil Young
Ben Harper & The Innocent Criminals
Donavon Frankenreiter
Xavier Rudd

Rock in Rio é para Continuar

A vice-presidente do Rock In Rio Roberta Medina disse à Agência Efe que o festival de 2014 se irá realizar no Brasil, em Lisboa e Madrid.

Embora o Rock In Rio 2014 regresse ao Brasil para coincidir com a organização do Campeonato do Mundo de Futebol, também está garantida a sua realização em Lisboa e Madrid. A revelação foi feita pela vice-presidente do festival, Roberta Medina, à Agência EFE.
Segundo as suas palavras, a edição de 2014 prevê três festivais num só ano, restando apenas saber qual a cidade brasileira escolhida para acolher este regresso do evento ao país, já que existe a possibilidade de ser São Paulo em vez do habitual Rio de Janeiro, que aliás foi a cidade que deu o nome ao festival. «A nova edição do Brasil terá as mesmas características dos festivais de Madrid e Lisboa, mas sempre a evoluir e a aprender com o público» afirmou Medina, que considera ainda que para «voltar ao Brasil tem que ser uma nova revolução na história do Rock in Rio».

A filha do criador do festival revelou ainda que a nova edição no país canarinho vai reduzir o número de espectadores para 150 mil, ou seja, menos 100 mil que na edição de 2001. Por agora já se sabe que o festival regressa a Lisboa e ao Parque da Bela Vista em 2010 e que existe uma forte possibilidade do mesmo acontecer em 2012. Resta saber em que moldes o evento vai decorrer em Lisboa e Madrid em 2014.

A organização adiantou que nos três primeiros dias do Rock in Rio-Lisboa 2008, o Parque da Bela Vista recebeu 209 mil pessoas. No dia que marcou o início do evento – 30 de Maio – a Cidade do Rock esteve com a sua lotação máxima de 90 mil pessoas, tendo os bilhetes esgotado dois dias antes.

03 junho 2008

Blitz e Alive

Interessante promoção da revista Blitz para quem está a pensar ir ao Festival Alive:
ASSINE A BLITZ E RECEBA GRÁTIS
UM BILHETE PARA O OPTIMUS ALIVE!08
Ao assinar a BLITZ por 2 anos, recebe GRÁTIS um bilhete diário para o Optimus Alive!08 e a oportunidade de ver grandes nomes da música como o Rage Against The Machine, Bob Dylan e Ben Harper, entre outros.
Assinar a Blitz

02 junho 2008

Rock in Rio-Lisboa 3º Dia Palco Mundo: Ah, a família!...

E eis que, chegado ao terceiro dia, o Rock in Rio Lisboa 2008 virou-se para a família, reunindo, num mesmo local, pais e filhos, tios e sobrinhos, velhos e novos, todos sob uma mesma bandeira. E mesmo que por vezes, como acontece em todas as famílias, a divergência de opiniões surja, ficou provado que não há nada que pague a união que uma boa e velha música consegue!

texto de Francisco Cruz para ler no Disco Digital.

Rock In Rio-Lisboa 2º Dia: Fotos Palco Mundo




(fotos: Rita Carmo)

Rod Stewart e Joss Stone em grande forma.

Rock In Rio-Lisboa 3º Dia: Alinhamentos Palco Mundo




Rod Stewart, Tokio Hotel, Joss Stone e Xutos & Pontapés

01 junho 2008

Rock In Rio-Lisboa 3º Dia: Palco Sunset


Os encontros imediatos ao pôr do sol cantados em português conheceram mais curiosos cruzamentos ao 3º dia do Rock in Rio. O sol e o calor ajudaram a compôr o espaço do palco Sunset que recebeu os sons dos Jazzinho com Melo D, a Ala dos Namorados com Rão Kyao e Nancy Vieira, e terminou com Boss AC e Vitorino em grande festa entre o discursos urbano e rural.

O projecto Jazzinho pede a nossa atenção pela excelente voz de Guida de Palma que encantou todos que trocaram a imensa creche em que se tornou hoje o recinto do Festival por aquele cantinho chamado palco Sunset. Os ritmos quentes do jazz, funk, e bossa nova juntaram-se à voz, e presença destemida de Melo D. O ponto alto foi a interpretação em conjunto de «Groove Junkie».


A plateia permaneceu sempre sentada e recebeu com agrado as canções da Ala dos Namorados sempre com o vocalista Nuno Guerreiro em destaque. Todo vestido de preto, Nuno foi conseguindo convencer o público a chegar-se mais perto do palco embalando-o com as conhecidas canções. Com a presença da cabo verdiana Nancy Vieira o palco ficou mais belo, e as canções cantadas no plural saiam com naturalidade, o que se perceber pela colaboração que a cantora já tinha tindo no disco da Ala dos Namorados «Mentiroso Normal». Rão Kyao não se acanhou em acompanhou os restantes músicos com à vontade, tendo até direito a um instrumental focado em si. Encontros muito agradáveis numa tarde a querer chamar o verão.

Para o fim ficou o curioso encontro entre o hip hop de Boss AC e o alentejano Vitorino. As canções dos bem sucedidos últimos discos do rapper chamaram muito público para perto do palco, e depressa se instalou a festa com todos a cantarem, e a agitarem os braços à boa maneira hip hop. Com a chegada de Vitorino ao palco a satisfação aumentou muito porque assim os pais puderam também dar o seu pezinho de dança e recuperar da memória letras de canções de Vitorino que já fazem parte do espólio nacional.
Boss AC nunca perdeu a liderança dos acontecimentos, e Vitorino não se fez de rogado quando teve de o acompanhar como se viu no refrão de «Baza baza».
A tarde terminou com Boss AC a chamar todos os artistas em destaque neste dia ao palco para todos juntos fecharem mais uma sessão de encontros curiosos, e nem faltou o organizador destes concertos, Zé Ricardo, que participou em todas as actuações.

Rock In Rio-Lisboa 3º Dia: Crianças até 9 anos não pagam

As crianças até nove anos não pagam para ver Docemania, 4 Taste, Just Girls, Tokio Hotel, Xutos & Pontapés, Joss Stone e Rod Stewart, hoje no Rock In Rio.
No palco Sunset, tocam Boss AC e Vitorino, Ala dos Namorados e Rão Kyao e Nancy Vieira com Jazzinho e Melo D. O espaço electrónico recebe David Morales, Dimitri From Paris, Tony Humphries, Mário Roque, Nuno Leote e Kim Mazelle.

Rock In Rio-Lisboa 2º Dia: Fotos


(fotos: Rita Carmo)

Rock In Rio-Lisboa 2º Dia: Eternamente Bons Jovens

Ao segundo dia o Rock in Rio viveu o melhor concerto do festival com a actuação dos Bon Jovi. Embora não se tenha verificado a enchente da noite de estreia o recinto voltou a receber muitas dezenas de milhares de espectadores que vibraram com a recordação de hinos das décadas de 80 e 90. Alanis Morissette surpreendeu com um visual bem bonito, e a recuperação de canções que lhe valeram o sucesso mundial que ainda hoje goza. Também os brasileiros Skank estiveram bem ao abrir a noite com bom ritmo, só Alejandro Sanz destuou com um concerto aborrecido.

Aos 46 anos John Francis Bongiovi continua com aquela pinta de puto rebelde, e com um impressionante ritmo de palco. Este regresso a Lisboa foi um estrondoso sucesso valendo-lhe até agora o título de melhor concerto da edição deste ano do Rock in Rio. Uma plateia nostálgica sedenta de cantar, e acompanhar uma banda que nos habituou a temas de enorme sucesso desde 1984, ficou rendida logo de início com «Lost Highway», «Born to be My Baby», «Bad Name», e «Raise Your Hands».
Os Bon Jovi não inventam e assumem todo o seu legado com orgulho, e fazem o que sempre fizeram, e fazem-no muito bem. As poses, as baladas, e o grandes êxitos, levam uma audiência na sua maioria trintona ao delírio. Não há quem não acompanhe os refrões. Jon é uma estrela do rock à boa maneira antiga, desce ao corredor em frente ao palco para cumprimentar os seus fãs com um à vontade só ao alcance de quem anda nisto há já muitos anos, e que até o leva afastar os zelosos seguranças que o perseguiam. Nem uma invasão de palco faltou, embora a fã tenha sido parada antes de alcançar o seu ídolo. Todos os condimentos necessários para um grande concerto pop/rock com direito a fogo de artifício na recta final, e com Jon a aparecer equipado com a camisola que Portugal vai usar no Euro para tocar as últimas canções.

Alanis Morissette foi a segunda a subir ao palco e assinou o segundo melhor concerto da noite. Com um visual bem bonito de cabelo alourado, bem pintada, e com uns quilinhos a mais, a canadiana mostrou-se em boa forma enchendo todo o palco com a sua simpática presença conseguindo cativar o público recorrendo aos grandes êxitos dos álbuns «Jagged Little Pill», e «Supposed Former Infatuation Junkie», que juntos venderam mais de 40 milhões de cópias na década passada.
A cantora aproveitou para apresentar canções novas de «Flavors of Entanglement» a ser lançado brevemente, mas foi mesmo com os temas mais antigos que alegrou a Bela Vista.

A abrir a noite estiveram os brasileiros Skank que assinaram um concerto bem festivo satisfazendo portugueses, e especialmente galera brasileira sempre muito bem representada nestes dois dias identificada por camisolas e bandeiras que se agitaram várias vezes durante a actuação da banda de Belo Horizonte em actividade há 18 anos!

O concerto de Alejandro Sanz ficou meio perdido entre Alanis e Bon Jovi. O espanhol aqui em Portugal vive do êxito de uma canção, e no restante concerto a maioria da plateia fica indiferente ao ritmo de Sanz tornando o momento aborrecido. Mesmo assim teve um ponto muito alto com a interpretação do tal êxito chamado «Corazón Partío» que contou com a preciosa colaboração da raínha do Rock in Rio, Ivete Sangalo.

Pena o concerto de Alejandro Sanz não ter sido logo o primeiro, ou segundo, da noite. Teria sido bem mais animada uma sequência dos melhores concertos da noite, Alanis e os eternamente bons jovens.